Rendimento de culturas e teores de P no solo em função de doses e formas de aplicação de fertilizante fosfatado em sistema plantio direto

Carla Maria Pandolfo, Milton da Veiga

Resumo


As doses e as formas de aplicação do fertlizante fosfatado no solo podem influenciar na produtividade das culturas e na distribuição do fósforo no perfl. Objetvou-se, neste estudo, verifcar a resposta de culturas comerciais à aplicação de doses de P e a distribuição dos seus teores no perfl de um Nitossolo Vermelho após 7 anos. Foram aplicadas as doses de 0, 20, 40, 60 e 80kg/ha de P2O5 a lanço e em linha, em sistema planto direto, avaliando-se o rendimento das culturas de trigo, soja, feijão e milho. A aplicação de P no solo aumentou o rendimento de grãos de todas as culturas, com resposta de efeito linear para as culturas de trigo e milho, quadrátca para a cultura da soja e exponencial para uma das safras da cultura do feijão. A aplicação do P em linha foi mais efciente do que a lanço para a cultura do feijão, mas a forma de aplicação não afetou o rendimento das demais culturas. Houve acúmulo de P nas camadas superfciais do solo, apresentando uma relação exponencial com as doses
aplicadas nas camadas amostradas até 10cm de profundidade, tanto na aplicação a lanço como na linha.


Palavras-chave


adubação fosfatada; Zea mays; Glycine max; Phaseolus vulgaris; Triticum sativum

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2020 Revista Agropecuária Catarinense



REVISTA AGROPECUÁRIA CATARINENSE (RAC) 

       ISSN 2525-6076 on-line
       ISSN 0103-0779 impresso
        

Epagri / Departamento Estadual de Marketing e Comunicação (DEMC)

Editoria Técnica
Fone: (48)3665-5449