[1]
C. A. Freitas, “Queijo com história e identidade”, RAC, vol. 28, nº 1, p. 19-24, out. 2017.