Já podemos observar os impactos das mudanças climáticas na cultura da maçã em Santa Catarina?

Autores

  • Angelo Mendes Massignam Epagri/Ciram, Rodovia Admar Gonzaga, 1347, Itacorubi, 88034-901 Florianópolis, SC
  • Cristina Pandolfo Epagri/Ciram

Palavras-chave:

Aquecimento global,

Resumo

A maçã é uma fruta de clima temperado de grande importância comercial, tanto no contexto nacional como no internacional, sendo a terceira fruta mais produzida no mundo, com mais de 80 milhões de toneladas em 2013. Nesse mesmo ano, de acordo com os levantamentos da Epagri/Cepa, o Brasil foi o 12o produtor mundial de maçã e o 13o em produtividade média. De uma forma geral, a produção nacional de maçã é concentrada nos estados do sul. A participação do estado de Santa Catarina e do Rio Grande do Sul na área plantada e na produção total brasileira foi de 95% e de 96% na safra 2014/2015, respectivamente. Em Santa Catarina a maçã é a fruta com maior área plantada e produção. Além disso, a maçã tem um destaque na economia do Estado, ocupando a 10a posição no valor bruto da produção. Nos três estados da Região Sul do País são gerados mais de 52 mil empregos diretos e 85 mil indiretos, colocando a cultura da maçã como grande suporte econômico nos estados sulinos. Estima-se que são gerados quase 140 mil empregos em toda a cadeia produtiva da maçã no Brasil. As mudanças climáticas poderiam causar alteração desse cenário?

Biografia do Autor

Angelo Mendes Massignam, Epagri/Ciram, Rodovia Admar Gonzaga, 1347, Itacorubi, 88034-901 Florianópolis, SC

Engenheiro-agrônomo, Dr.

Cristina Pandolfo, Epagri/Ciram

Engenheira-agrônoma, Dra.

Downloads

Publicado

2017-01-09

Como Citar

Massignam, A. M., & Pandolfo, C. (2017). Já podemos observar os impactos das mudanças climáticas na cultura da maçã em Santa Catarina?. Agropecuária Catarinense, 29(3), 13-14. Recuperado de https://publicacoes.epagri.sc.gov.br/rac/article/view/138

Edição

Seção

Opinião