Estabelecimento de índices de maturação para o ponto de colheita de frutos de caqui ‘Fuyu’

Autores

  • Juliana Golin Krammes Epagri/Estação Experimental de Caçador
  • Dr. Luiz Carlos Argenta Epagri/Estação Experimental de Caçador
  • Dr. Marcelo José Vieira Epagri/Estação Experimental de Caçador
  • Dr. Marcos Antônio Bacarin UFPel, Instituto de Biologia

Palavras-chave:

Diospyros kaki, qualidade, estádios de maturação

Resumo

Este estudo objetivou estabelecer índices de maturação para o ponto ideal de colheita de caqui ‘Fuyu’ cultivado em Fraiburgo, SC. Frutos de caquis ‘Fuyu’ foram colhidos e classificados em seis estádios de maturação em 2002 e 2003. Um dia após a colheita, os frutos foram analisados quanto à coloração da casca, firmeza da polpa,
teor de sólidos solúveis, acidez titulável, respiração e produção de etileno. Mudanças gradativas da coloração da casca dos frutos de verde para vermelho, redução da firmeza da polpa e aumento no teor de sólidos solúveis ocorreram com o avanço da maturação. A acidez titulável não variou significativamente com o estádio de maturação. As taxas respiratória e de produção de etileno aumentaram significativamente apenas em frutos colhidos no estádio supermaduro. Os índices de maturação para colheita de caquis ‘Fuyu’ destinados ao armazenamento e/ou ao transporte a longa distância corresponderam aos teores de sólidos solúveis entre 14,6% e 15,3%, firmeza da polpa entre 63 e 66N (~14 e 15lb), índice hue entre 73 e 66 e índice visual de cor 4.

Downloads

Publicado

2007-03-01

Como Citar

Krammes, J. G., Argenta, L. C. ., Vieira, M. J. ., & Bacarin, M. A. . (2007). Estabelecimento de índices de maturação para o ponto de colheita de frutos de caqui ‘Fuyu’. Agropecuária Catarinense, 20(1), 62-66. Recuperado de https://publicacoes.epagri.sc.gov.br/rac/article/view/879

Edição

Seção

Artigo Científico