Ocorrência de Phyllocnistis sp. (Lepidoptera: Gracillariidae) em plantas da vegetação espontânea intercalar de pomar de citros no Rio Grande do Sul

Autores

  • Janaina pereira dos Santos Epagri/Estação Experimental de Caçador
  • Fábio Kessler Dal Soglio UFRGS
  • Luiza Rodrigues Redaelli UFRGS

Palavras-chave:

minador, microlepidóptero, plantas hospedeiras, Asteraceae.

Resumo

O minador-das-folhas-dos-citros, Phyllocnistis citrella, Stainton (Lepidoptera: Gracillariidae), é uma importante praga da citricultura em diversos países. No Brasil, o primeiro registro deste inseto foi em 1996, em viveiros da região de Limeira, SP, e neste mesmo ano infestou pomares e viveiros do Rio Grande do Sul. Uma outra espécie de microlepidóptero, morfologicamente semelhante a P. citrella, foi constatada no Rio Grande do Sul infestando plantas da vegetação espontânea intercalar de pomares de citros. Trata-se de uma nova espécie de Phyllocnistis, provavelmente nativa, que está sendo descrita. Este inseto teve como hospedeiros Baccharis anomala (cambará-de-cipó), Conyza bonariensis (buva), Sida urens (guanxuma) e Ludwigia elegans, sendo as asteráceas importantes recursos alimentares para este inseto no local do estudo. Os maiores níveis populacionais
de Phyllocnistis sp. ocorreram no inverno e na primavera. Este se constitui no primeiro registro de Phyllocnistis sp. no Rio Grande do Sul.


Downloads

Publicado

2021-05-27

Como Citar

dos Santos, J. pereira, Dal Soglio, F. K. ., & Redaelli, L. R. . (2021). Ocorrência de Phyllocnistis sp. (Lepidoptera: Gracillariidae) em plantas da vegetação espontânea intercalar de pomar de citros no Rio Grande do Sul. Agropecuária Catarinense, 19(1), 89-92. Recuperado de https://publicacoes.epagri.sc.gov.br/rac/article/view/923

Edição

Seção

Nota Científica

Artigos Semelhantes

Você também pode iniciar uma pesquisa avançada por similaridade para este artigo.