Submissões

O cadastro no sistema e posterior acesso, por meio de login e senha, são obrigatórios para a submissão de trabalhos, bem como para acompanhar o processo editorial em curso. Acesso em uma conta existente ou Registrar uma nova conta.

Condições para submissão

Como parte do processo de submissão, os autores são obrigados a verificar a conformidade da submissão em relação a todos os itens listados a seguir. As submissões que não estiverem de acordo com as normas serão devolvidas aos autores.
  • DOI e URLs para as referências foram informadas quando utilizadas fontes de ambiente virtual.
  • Foram tomadas medidas para garantir a avaliação às cegas pelos pares. Não há menção à instituição, estação experimental ou laboratório onde foi feito o experimento. (Norma válida para as seções “Informativo Técnico”, “Nota Científica”, “Artigo Científico” e “Revisão Bibliográfica”).

    ATENÇÃO: Antes de submeter o arquivo, remover do documento (e também dos arquivos suplementares) as Propriedades do Documento e Informações Pessoais”, utilizando a opção “Preparar Arquivo para Compartilhar (inspecionar documento e remover as informações pessoais) que o MS-Word disponibiliza.

     

  • Foram incluídos os metadados (título, subtítulo, termos para indexação e outros) tamb´ém em inglês no passo 3 (Inserir metadados) da submissão
  • Os dados (nome, formação, endereço etc.) do autor e dos coautores são informados de forma completa da plataforma de submissão, nos metadados do trabalho. Não esquecer de fornecer o Orcid dos participantes do trabalho no processo de submissão, fazendo o registro daqueles que não possuem. Vale lembrar que esses dados não devem acompanhar o manuscrito (arquivo submetido com o texto para revisão).
  • A contribuição é original e inédita, e não está sendo avaliada para publicação por outra revista; caso contrário, deve-se justificar em "Comentários ao editor".
  • O arquivo da submissão está  em formato Microsoft Word ou similar.  O texto está em espaçamento duplo, fonte Arial 12 e emprega itálico em termos estrangeiros. As figuras e tabelas, com as respectivas legendas, estão inseridas no final do texto em resolução baixa, e as figuras também em “Arquivo Suplementar”, em alta resolução. O local de inserção das figuras e tabelas é apontado no texto.
  • Confirmo que a Declaração de direito autoral, com a assinatura de todos os autores, foi submetida no sistema, requisito indispensável para o início da tramitação pela equipe editorial.
  • O texto segue os padrões de estilo e requisitos bibliográficos descritos em “Diretrizes para Autores”, na página “Normas de publicação”, principalmente no que se refere ao número máximo de páginas para a seção para a qual está sendo submetido o artigo.
  • Foram citados os números dos processos de autorizações legais de pesquisa, quando necessários, para trabalhos com seres humanos, acesso ao conhecimento tradicional, recursos da biodiversidade, entre outros.

Diretrizes para Autores

 

Normas para publicação na revista Agropecuária Catarinense (RAC)

 

Os trabalhos devem ser submetidos à RAC através do portal de publicações da Epagri no endereço  http://publicacoes.epagri.sc.gov.br/index.php/RAC/ em espaçamento duplo, fonte Arial 12, margens de 2,5cm.As folhas devem estar paginadas e com as linhas numeradas. São aceitos artigos em português e inglês. Os assuntos devem ser  ligados à agropecuária e à pesca e serão aceitos para publicação desde que se enquadrem nas seguintes normas:

1. Trabalhos para as seções Artigo científico, Germoplasma, Nota científica, Informativo técnico e Revisão bibliográfica devem ser originais e vir acompanhados de carta ou e-mail afirmando ser exclusivo à RAC. Ao mesmo tempo, o autor deve concordar em ceder para a Revista os direitos autorais do texto que será publicado.

2. O Informativo técnico refere-se à descrição de uma técnica já consagrada, doenças, insetos-praga e outras recomendações técnicas de cunho prático, tendo como principal público os extensionistas e técnicos em geral. O assunto deve fazer parte das pesquisas ou da prática profissional do autor. Máximo de 8 páginas, incluindo figuras e tabelas (ver item 9). Deve ter Resumo (máximo de 15 linhas, incluindo Termos para indexação), título em inglês, Abstract e Index terms, Introdução e subtítulos, conforme o conteúdo do texto. Para finalizar a matéria, utiliza-se o subtítulo Considerações finais ou Recomendações. O item Agradecimentos é opcional, e as referências não devem ultrapassar o número de dez.

3. O Artigo científico deve ser conclusivo, oriundo de pesquisa já encerrada. Os artigos devem ser escritos com base em experimentos repetidos no tempo e/ou no espaço com dados e resultados consistentes. Deve estar organizado em título, Resumo (máximo de 20 linhas, incluindo Termos para indexação), título em inglês, Abstract e Index terms, Introdução, Material e métodos, Resultados e discussão, Conclusão, Agradecimentos (opcional), Referências, tabelas e figuras. Há um limite de 15 páginas para Artigo científico, incluindo tabelas e figuras (ver item 11).

4. A Nota científica refere-se a pesquisa científica inédita e recente com resultados importantes e de interesse para rápida divulgação, porém com volume de informações insuficiente para constituir um artigo científico completo. Pode ser também a descrição de nova doença ou inseto-praga. Deve ter no máximo oito páginas, incluídas as tabelas e figuras (ver item 11). Deve estar organizada em título, Resumo (máximo de 15 linhas, incluindo Termos para indexação), título em inglês, Abstract Index terms, texto corrido, Agradecimentos (opcional), Referências, tabelas e figuras. Não deve ultrapassar dez referências.

5. A seção Germoplasma deve conter título, Resumo (máximo de 20 linhas, incluindo Termos para indexação), Title, Abstract e Index terms, Introdução, origem (incluindo pedigree), descrição (planta, brotação, floração, fruto, folha, sistema radicular, tabela com dados comparativos), perspectivas e problemas do novo cultivar ou germoplasma, disponibilidade de material e Referências. O limite é de 12 páginas para cada matéria, incluindo tabelas e figuras (ver item 11).

6. A Revisão bibliográfica apresenta o estado da arte de tecnologia ou processo tecnológico das Ciências Agrárias, sobre os quais o(s) autor(es) deve(m) ter reconhecida qualificação e experiência. O texto deve apresentar não só uma análise descritiva, mas também crítica, e referências bibliográficas atualizadas. Deve conter título, Resumo (máximo de 20 linhas), incluindo Termos para indexação, Title, Abstract e Index terms, Desenvolvimento, Discussão, Conclusões ou Considerações finais, Agradecimentos (opcional), Referências, tabelas e figuras. Não deve ultrapassar 16 páginas, incluindo tabelas e figuras.

7. Os termos para indexação não devem conter palavras já existentes no título e devem ter no mínimo três e no máximo cinco palavras.

8. O título do trabalho deve representar o conteúdo e o objetivo do trabalho e ter no máximo 15 palavras. Nomes científicos no título não devem conter o nome do identificador da espécie.  

9. A versão original do manuscrito para avaliação na plataforma deve ser encaminhada sem os nomes dos autores e os dados pessoais no rodapé da página. As informações dos autores também devem ser eliminados do arquivo word (.doc), o que pode ser feito quando se salva o arquivo em “Inspecionar documento”-”propriedades do documento e informações pessoais”. Os nomes dos autores devem constar nos metadados do artigo submetido (plataforma de submissão), onde devem aparecer as seguintes informações: formação profissional do autor e do(s) coautor(es), título de graduação e pós-graduação (especialização, mestrado ou doutorado), nome e endereço da instituição em que trabalha, telefone para contato, endereço eletrônico.

Alguns exemplos seguem abaixo, sendo recomendável até três coautores por artigo. Depois de receber a ACEITAÇÃO do Editor da RAC, os autores serão informados que já podem inserir os dados pessoais no manuscrito, em sua versão final, e REVISAR atentamente os metadados da plataforma, que são fundamentais para a indexação correta do artigo.

1 Zootecnista, Dr., Epagri / Centro de Pesquisa para Agricultura Familiar (Cepaf), C.P. 791, 89801-970 Chapecó, SC, fone: (49) 2049-7510, e-mail: nome@epagri.gov.sc.br.

2 Médico-veterinário, Dr., Udesc / CAV, Av. Luís de Camões, 2090, Bairro Conta Dinheiro, 88520-000 Lages, SC, fone: (49) 2101-22121, e-mail: nome@udesc.br.

Engenheiro-agrônomo, Dr., Epagri / Cepaf, e-mail: nome@epagri.sc.gov.br.

4 Economista, M.Sc., Epagri / Estação Experimental de Itajaí, C.P. 277, 88301-970 Itajaí, SC, fone: (47) 3233-5244, e-mail: nome@epagri.sc.gov.br. 

5 Acadêmico do Curso de Agronomia, Unoesc, campus Xanxerê, e-mail: nome@hotmail.com.

6 Engenheiro de aquicultura, Dr., Nupa Sul-1 do IFCCA, e-mail: nome@ifc-araquari.edu.br.

Formato para mais de um autor por unidade de pesquisa, com mesma titulação:

7 Engenheiro-agrônomo, Dr., Epagri / Centro de Socioeconomia e Planejamento Agrícola (Cepa), Rod. Admar Gonzaga, 1486, Florianópolis/SC, Fone: (48) 36655078, e-mail: endereco_nome1@epagri.sc.gov.br, endereco_nome2@epagri.sc.gov.br. 

Autores da mesma Instituição, já mencionada, não colocar o nome da Unidade de pesquisa por extenso, apenas a sigla. Exemplo para autores com titulação diferente, acrescentar nova linha na nota de rodapé:

8 Engenheiro-agrônomo, M.Sc., Epagri / Cepa, e-mail: endereco@epagri.sc.gov.br.

Importante: os casos de colaboração, apoio técnico ou financeiro, são inseridos ao final da parte técnica do artigo e antes das referências, com o subtítulo Agradecimentos.

10. As citações no texto devem ser feitas por sobrenome e ano. Se no texto apenas a primeira letra maiúscula. Se entre parênteses, TODAS maiúsculas. Quando houver dois autores, separar por “&”; se houver mais de dois, citar o primeiro seguido por “et al.” (sem itálico).

11. Tabelas e figuras geradas no Word não devem estar inseridas no texto e devem vir numeradas, ao final da matéria, em ordem de apresentação, com as devidas legendas. Todavia, deve-se apontar no texto o local de inserção das figuras e tabelas. Gráficos gerados no Excel devem ser enviados, com as respectivas planilhas, nos arquivos de RESULTADOS DA PESQUISA, ou seja, separados do texto. As tabelas e as figuras (fotos e gráficos) devem ter título claro e objetivo e ser autoexplicativas. Os títulos das tabelas e figuras devem ser escritos em português e inglês. O título da tabela deve estar acima dela, e o título da figura, abaixo. As tabelas devem ser abertas à esquerda e à direita, sem linhas verticais e horizontais, com exceção daquelas para separação do cabeçalho e do fechamento. As abreviaturas devem ser explicadas ao aparecerem pela primeira vez. As chamadas devem ser feitas em algarismos arábicos sobrescritos, entre parênteses e em ordem crescente (ver modelo).

12. As fotografias (figuras) devem estar digitalizadas, em formato JPG ou TIFF, em arquivos separados do texto, com resolução mínima de 300dpi, 15cm de base, e submetidos na plataforma como ARQUIVOS SUPLEMENTARES.

             • Fotografias que pertencem ao arquivo da Epagri ou tiverem sido feitas pelo autor do texto não necessitam ter identificada a sua autoria. Trabalhos com vários autores terão a autoria das fotos identificada.

            • Figuras já publicadas anteriormente devem conter dados sobre a fonte de onde foram extraídas, e no momento da submissão do artigo deve acompanhar a declaração de anuência do autor por escrito.

            “A Lei dos Direitos Autorais (9.610/98), em seu artigo 7, diz que a fotografia é obra intelectual protegida. E o artigo 29 aponta que sua reprodução depende de autorização prévia e expressa do autor. Assim, quem viola esses dispositivos fere direitos de personalidade assegurados no artigo 5º da Constituição, atraindo o dever de indenizar na esfera cível.”[1]


[1] Fonte: Boletim de Notícias ConJur (Consultor Jurídico), em https://www.conjur.com.br/2017-fev-28/publicar-fotografia-autorizacao-autor-gera-dano-moral

 

13. As matérias apresentadas para as seções Opinião e Conjuntura devem orientar-se pelas normas deste item.

13.1 Opinião – deve discorrer sobre assuntos que expressam a opinião do autor e não necessariamente da Revista sobre o fato em foco. O texto deve ter até cinco páginas.

13.2 Conjuntura – matérias que enfocam fatos atuais com base em análise técnica, econômica, social ou política, cuja divulgação é oportuna. Não devem ter mais que dez páginas, incluindo as referências das citações necessárias para contextualizar/caracterizar o cenário ou das fontes de dados.

14. O arquivo com o trabalho textual deve ser submetido ao sistema em formato Word para Windows, letra Arial, tamanho 12, espaço duplo. Devem ter margem superior, inferior e laterais de 2,5cm, estar paginados e com as linhas numeradas.

15. As referências de todos os tipos de trabalhos devem estar restritas à literatura citada no texto, de acordo com a ABNT6023 e em ordem alfabética. Os autores devem atentar aos seguintes detalhes:

-Cerca de 70% das referências devem ter sido publicadas nos últimos 10 anos;

-Todos os nomes dos autores devem ser mencionados nas referências;

-Não são aceitas citações de dados não publicados e de publicações no prelo;

-Sugere-se evitar citações de trabalhos apresentados em congressos.

Exemplos de referências:

Eventos:

DANERS, G. Flora de importância melífera no Uruguai. In: CONGRESSO IBERO-LATINO-AMERICANO DE APICULTURA, 5., 1996, Mercedes. Anais[...] Mercedes, 1996. p.20.

Periódicos no todo:

ANUÁRIO ESTATÍSTICO DO BRASIL-1999. Rio de Janeiro, IBGE, v.59, 2000. 275p.

Artigo de periódico:

STUKER, H.; BOFF, P. Tamanho da amostra na avaliação da queima acinzentada em canteiros de cebola. Horticultura Brasileira, Brasília, v.16, n.1, p.10-13, 1998.

Artigo de periódico em meio eletrônico (com ou sem DOI):

BECKER, W.F. Avaliação de sistemas de previsão para a septoriose do tomateiro tutorado em Caçador, SC, Brasil. Revista Agropecuária Catarinense, v.32, n.3, p.62-67, 2019. ISSN 2525-6076. Disponível em: http://publicacoes.epagri.sc.gov.br/index.php/RAC/article/view/383. Acesso em: 26 maio 2020. 

SOUZA, D.M. de; KUTTER, M.T.; FURTADO, P.S.; ROMANO, L.A.; JUNIOR, W.W.; MONSERRAT, J.M.; GARCIA, L. Growth, antioxidant system, and immunological status of shrimp in bioflocs and clear water culture systems. Pesquisa Agropecuária Brasileira, v.54, e00363, 2019. DOI: https://doi. org/10.1590/S1678-3921.pab2019.v54.00363.

 

Livro no todo

SOCIEDADE BRASILEIRA DE CIÊNCIA DO SOLO. Recomendação de adubação e calagem para os estados do Rio Grande do Sul e de Santa Catarina. 3.ed. Passo Fundo, RS: SBCS/Núcleo Regional Sul; Comissão de Fertilidade do Solo – RS/SC, 1994. 224p.

SOCIEDADE BRASILEIRA DE CIÊNCIA DO SOLO. Manual de adubação e calagem para os Estados do Rio Grande do Sul e de Santa Catarina. 10.ed. Porto Alegre, RS: SBCS/Núcleo Regional Sul; Comissão de Química e Fertilidade do Solo – RS/SC, 2004. 400p.

Capítulo de livro:

SCHNATHORST, W.C. Verticillium wilt. In: WATKINS, G.M. (Ed.). Compendium of cotton diseases. St. Paul: The American Phytopathological Society, 1981. p.41-44.

Teses e dissertações:

CAVICHIOLLI, J.C. Efeitos da iluminação artificial sobre o cultivo do maracujazeiro amarelo (Passiflora edulis Sims f. flavicarpa Deg.). 1998. 134f. Dissertação (Mestrado em Produção Vegetal) – Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias, Universidade Estadual Paulista, Jaboticabal, SP, 1998.

Autoria desconhecida:

Em caso de autoria desconhecida, a entrada é feita pelo título, com a primeira palavra em caixa alta:

ASPECTOS do cultivo comercial de quebra-pedra. Agroecologia Hoje, Botucatu, SP, v.1, n.1, p.12-13, fev./mar. 2000.

CONTROLE alternativo de formigas cortadeiras. Agroecologia e Desenvolvimento Rural Sustentável, Porto Alegre, RS, v.1, n.1, p.59-60, jan./mar. 2000.

Autor corporativo (entidades coletivas, governamentais, públicas, etc.):

EPAGRI. Normas técnicas para o cultivo do pessegueiro em Santa Catarina. Florianópolis, SC, 1995. 38p. (Epagri. Boletim Técnico, 23).

SANTA CATARINA. Secretaria de Estado de Coordenação Geral e Planejamento. Atlas escolar de Santa Catarina. Florianópolis, SC, 1991, 135p.

BRASIL. Ministério da Agricultura, do Abastecimento e da Reforma Agrária. Posto de resfriamento de leite. Brasília, DF, 1995. 25p. (MARA. Perfis Agroindustriais, 2).

 

Exemplos de citação:

Citação com um autor: deve iniciar pelo sobrenome do autor e ano. Se o nome do autor estiver incluído na sentença, apenas a data deve vir entre parênteses.

          - Conforme Lobato (1985), as observações existentes no estado do Rio Grande do Sul revelam valores extremamente baixos.

            - Nesta fase, uma lagarta pode destruir até quatro plantas (SAMER, 1939).

Citação com dois autores: deve iniciar pelos respectivos sobrenomes ligados por “&”, seguidos do ano.

Resultado semelhante foi obtido por Santos & Vencovsky (1985).

Citação com três ou mais autores: deve iniciar pelo sobrenome do primeiro autor, seguido da expressão “et al.” e do ano.

   Caroso et al. (1981), comparando progênies de clones do cultivar São Gabriel e cultivares americanos de cornichão...

Citação de trabalho cujo autor é uma instituição: deve iniciar pelo nome da instituição, seguido da data. Caso haja subordinação – departamentos, centros, etc. –, esses elementos só devem ser citados nas referências.

Trata-se de um genótipo recomendado para áreas infestadas pelo bicudo (Embrapa, 1985).

Citação de vários trabalhos de um mesmo autor, publicados em um mesmo ano: deve ser diferenciada por letra minúscula após a data, tanto no texto quanto na referência.

          ... número de células doentes em fase inicial, segundo Paula et al. (1990a).

          ... foram obtidas conforme Paula et al. (1990b).

            Mais recentemente, Sy et al. (1978b), Sy et al. (1983a, 1983b)...

   

 Exemplo de formato de tabela:

Tabela 3. Rendimento de massa seca da pastagem anual de inverno por ocasião da dessecação, em função do sistema de produção do milho e da adubação com dejeto líquido de bovinos e adubo solúvel, nos anos de 2012 a 2015

Table 3. Dry matter yield of the annual winter pasture (at the desiccation) as a function of the maize production system or the liquid manure of bovines and soluble fertilizer, in the years 2012 to 2015

 

--------------------------------------------------------------------------------

Tratamento                                             Anos         

  -----------------------------------------------------------------                                                                       

2012        2013           2014         2015        Média

  ---------------------------------------------------------------                                                                                                       

                                     Kg ha-1

---------------------------------------------------------------------------------

Sistema de produção do milho

---------------------------------------------------------------------------------

Grãos                   2.757 NS      3.509 b       2.965NS     3.240        3.118

Silagem                2.900          4.250a        2.680         3.610        3.360

---------------------------------------------------------------------------------

Adubação

---------------------------------------------------------------------------------

Testemunha         1.996 b       3.133 b     2.403 NS     2.775 NS    2.577

DLB25                2.262 b        3.455 ab   2.625          4.050         3.098

DLB50                2.291 b        3.856 ab   2.682          3.575         3.101

DLB100              2.720 b        4.875 a     3.656          3.650         3.725

AS                     4.782 a        4.078 ab    2.749         3.075          3.694

---------------------------------------------------------------------------------

Média                2.828           3.879        2.823         3.425

---------------------------------------------------------------------------------

Testemunha; DLB25, DLB50 e DLB100: 25, 50 e 100 m3 ha-1 de DLB por cultivo; AS; N, P e K equivalente à dose de 50 m3 de DLB ha-1 por cultivo.

Médias seguidas de letras minúsculas na coluna dentro de cada fator não diferem entre si pelo teste de Tukey a 5%.  NS: Não significativo a 5% de probabilidade.

16. Conflito de interesses – Como o processo de revisão dos artigos pelos consultores ad hoc e do comitê é sigiloso, procura-se evitar interesses pessoais e outros que possam influenciar na elaboração ou avaliação de manuscritos.

17. Sugerem-se aos autores que evitem citar a instituição, estação experimental ou laboratório onde foi feito o experimento para garantir a revisão às cegas dos trabalhos.

18. Plágio – A revista não admite, em nenhuma hipótese, plágio total ou parcial, nem mesmo autoplágio. A equipe editorial aplica um software detector de plágio em todos os manuscritos aprovados para publicação.

19. Favor indicar em mensagem ao editor uma lista de nomes e respectivos endereços eletrônicos de potenciais revisores na área de submissão do seu artigo ou outra área de conhecimento.

Com os seguintes dados:

Nome completo, e-mail, áreas do conhecimento

 

Taxas

A revista Agropecuária Catarinense não cobra taxas de submissão e de publicação dos autores.

 

COMO SUBMETER UM MANUSCRITO NA PLATAFORMA ELETRÔNICA DA AGROPECUÁRIA CATARINENSE ?

a. Etapa de submissão

Os artigos devem ser submetidos em formato digital através da plataforma eletrônica OJS disponível no seguinte endereço: https://publicacoes.epagri.sc.gov.br/RAC/index. Essa submissão deverá ser feita por um(a) dos(as) autores(as) do manuscrito através de 5 passos:

Passo 1: Indicar seção, idioma, aceitar condições, assinar declaração de direitos autorais

O início do processo da submissão ocorrerá pela indicação e registro da seção (“Informativo técnico, nota científica, artigo científico, etc.) e do idioma da submissão (podendo ser “português” ou “inglês”).

Na sequência, o(a) autor(a) que faz o cadastro da submissão, em nome dos(das) demais colaboradores(as) (se for o caso), deverá afirmar a conformidade da submissão em relação aos nove itens citados no início das normas de publicação (condições para submissão).

Após essas condições, em nome dos(as) demais colaboradores(as) (se for o caso), o(a) autor(a) que faz o cadastro deverá registrar/reafirmar sua concordância numa declaração de direitos autorais, o que ocorrerá em face da adoção da licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional (CC BY 4.0).

Por fim, o autor que realiza a submissão tem acesso a dados da política de privacidade e poderá, caso entenda necessário, apresentar comentários ao(à) editor(a) que coordenará/conduzirá o processo avaliativo.

Passo 2: Transferência do manuscrito

O segundo passo da submissão envolve a transferência (upload) do arquivo que será avaliado por pares (desde que atenda ao conjunto de elementos descritos nas seções anteriores e não contenha elementos de identificação da autoria). Nesse momento o autor pode transferir também as figuras, documentos e outros. Na transferência do artigo completo deve-se selecionar a opção “Texto do artigo”; quando transferir as fotos, gráficos e assemelhados selecionar a opção “Figuras”; na transferência da carta de submissão (carta de direitos autorais) usar a opção “Documentos”.

Deve-se ressaltar que a plataforma da revista aceita somente arquivos com menos de 4Mb (limte de tamanho por arquivo), seja arquivo de texto, fotos, etc.

Passo 3: Inclusão de metadados

No terceiro passo da submissão, o(a) autor(a) que realiza o cadastro deverá registrar um conjunto de metadados que identificam a autoria e o manuscrito.

O primeiro campo que deverá selecionar é o IDIOMA DO FORMULÁRIO. Como as informações do artigo (título, resumo e termos de indexação) devem ser registradas em 2 idiomas (português e inglês), o(a) autor(a) que registra os dados deve fazer o procedimento 2 vezes nas diferentes línguas.

Na sequência devem ser registrados os dados de todos(as) os(as) autores(as), levando em consideração as seguintes orientações:

- Os campos “Nome”, “Nome do meio” e “Sobrenome” devem ser preenchidos por extenso apenas com a letra inicial maiúscula;

- No campo “E-mail” inserir um endereço atualizado e conferir os caracteres registrados;

- No “ORCID iD” inserir o endereço gerado pela plataforma ORCID, disponível no endereço: https://orcid.org/my-orcidO preenchimento desse campo é obrigatório. Portanto, todos(as) os(as) autores(as) que serão incluídos(as) devem realizar registros na referida plataforma e, a partir disso, terem seus IDs (links) para o preenchimento do campo.

- O campo “Instituição/Afiliação” deve ser preenchido na seguinte ordem: Nome da Instituição, Nome da unidade/departamento da instituição, Cidade, Estado. [Exemplo: Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). Escola de Educação Física, Fisioterapia e Dança (ESEFID), Porto Alegre, RS]. Não colocar ponto final depois do dado sobre o Estado, nem o país. Esse campo é considerado obrigatório.

- Selecionar e registrar o “País” do autor. Campo também considerado obrigatório.

- Preencher o campo “Resumo da Biografia” com dados da trajetória acadêmica e profissional do(a) autor(a). Sugere-se que o texto com a biografia tenha cerca de cinco linhas.

Esses itens acima devem ser considerados (especialmente aqueles indicados como obrigatórios) para todos(as) os(as) autores(as). Para incluir um(a) novo(a) autor(a), clique no botão INCLUIR AUTOR.

Realizado o registro de todos(as) os(as) autores(as), deve-se passar à inserção dos metadados do trabalho que está sendo submetido. Os dados são:

- Título do trabalho.

- Resumos/ abstracs com até 20 linhas para os artigos, revisões bibliográficas e germoplasma, e 15 linhas para os informativos e notas científicas.

- Termos para indexação/ Index terms constituídas de até 5 termos que identifiquem o assunto do artigo, separadas por ponto. Não repetir termos usados no título;

- Dados de apoio de “Contribuidores e Agências de fomento”, isto é, de pessoas ou organizações que contribuíram para o conteúdo ou ofereceram apoio financeiro para o trabalho.

- Inclusão das referências bibliográficas seguindo as normas da revista. Cada referência deve ser separada por 1 linha para facilitar a captação pelas bases de dados.

Passo 4: Confirmação

Na fase confirma-se a submissão do trabalho. Um e-mail de confirmação será enviado para o(a) autor(a) e outro para a  Editoria, alertando para a nova submissão.

Passo 5: Confirmação

Nessa etapa são repassadas informações gerais ao autor. Pode-se verificar os arquivos que foram anexados, mas não se pode altera-los. Outros aspectos da submissão também não podem ser alterados. Após realizada essa operação, a autoria pode acompanhar a situação da submissão acessando o sistema com o papel de “Autor”.

 

B. Etapa de correções do manuscrito

Na aba “Avaliação” o autor responsável pela submissão deve anexar os arquivos necessários para o parecer do editor/editor de seção (texto do artigo corrigido, carta resposta, novas figuras, etc.):

  • Artigo Corrigido, neste caso, é o manuscrito corrigido, contendo todas as alterações feitas na versão original com base na recomendação do editor. Nesta etapa, o manuscrito original deve ser substituído pela versão corrigida.
  • Carta Resposta é a resposta dos autores às recomendações dos avaliadores e do editor na qual os autores devem apontar as correções feitas na versão original de acordo com a recomendação do editor. Se alguma recomendação for rejeitada pelos autores, deve ser apresentada a justificava. Nem sempre é necessária carta resposta, especialmente se forem poucas correções solicitadas.
  • Figuras são as fotos, gráficos e outros elementos semelhantes que compõem o artigo. Caso solicitado pelos revisores/editores pode-se incluir ou eliminar figuras no manuscrito.

Para isso, o autor responsável pela submissão deve seguir as seguintes orientações

  • Na aba AVALIAÇÃO clicar em ENVIAR ARQUIVO no quadro revisões
  • Selecione a opção OUTROS na lista de COMPONENTES DO ARTIGO
  • Selecione o arquivo CARTA RESPOSTA no seu computador e clique em ENVIAR ARQUIVO
  • Clique no botão CONTINUAR (em 1. Carregar Arquivo)
  • Clique no botão CONTINUAR novamente (em 2. Metadados)
  • Clique no botão ENVIAR UM NOVO ARQUIVO (em 3. Finalização)
  • Selecione o arquivo correspondente ao artigo corrigido na lista SE VOCÊ ESTIVER CARREGANDO UMA REVISÃO DE UM ARQUIVO EXISTENTE, POR FAVOR, INDIQUE QUAL ARQUIVO. Depois disso, o Manuscrito Completo original é selecionado automaticamente na lista Componentes do Artigo
  • Selecione o arquivo MANUSCRITO COMPLETO corrigida (DOC, preferencialmente) no seu computador e clique em ENVIAR ARQUIVO
  • Clique no botão CONTINUAR (em 1. Carregar Arquivo)
  • Clique no botão CONTINUAR novamente (em 2. Metadados)
  • Clique no botão CONCLUIR (em 3. Finalização)
  • Clique no botão SALVAR E CONTINUAR

Vale ressaltar que caso o autor deseje se comunicar com os editores em qualquer etapa do processo pode-se utilizar a ferramenta DISCUSSÃO DA AVALIAÇÃO, clicando em ADICIONAR COMENTÁRIOS. Neste caso pode-se enviar uma mensagem para tirar dúvidas ou enviar documentos.

Informativo Técnico

O Informativo técnico refere-se à descrição de uma técnica já consagrada, doenças, insetos-praga e outras recomendações técnicas de cunho prático, tendo como principal público extensionistas e técnicos em geral. O assunto deve fazer parte das pesquisas ou da prática profissional do autor. Máximo de 8 páginas, incluindo figuras e tabelas. Deve ter Resumo (máximo de 15 linhas, incluindo Termos para indexação), título em inglês, Abstract e Index terms, Introdução e subtítulos, conforme o conteúdo do texto. Para finalizar a matéria, utiliza-se o subtítulo Considerações finais ou Recomendações. Agradecimentos é opcional e as referências não devem ultrapassar o número de dez.

Nota Científica

A Nota científica refere-se a pesquisa científica inédita e recente com resultados importantes e de interesse para uma rápida divulgação, porém com volume de informações insuficiente para constituir um artigo científico completo. Pode ser também a descrição de nova doença ou inseto-praga. Deve ter no máximo oito páginas (incluídas as tabelas e figuras). Deve estar organizada em título, nome completo dos autores (sem abreviação), Resumo (máximo de 15 linhas, incluindo Termos para indexação), título em inglês, Abstract e Index terms, texto corrido, Agradecimentos (opcional), Referências, tabelas e figuras. Não deve ultrapassar dez referências.

Germoplasma

A seção Germoplasma deve conter título, nome completo dos autores, Resumo (máximo de 20 linhas, incluindo Termos para indexação), título em inglês, Abstract e Index terms, Introdução, origem (incluindo pedigree), descrição (planta, brotação, floração, fruto, folha, sistema radicular, tabela com dados comparativos), perspectivas e problemas do novo cultivar ou germoplasma, disponibilidade de material e Referências. Há um limite de 12 páginas para cada matéria, incluindo tabelas e figuras

Artigo Científico

O Artigo científico deve ser conclusivo, oriundo de uma pesquisa já encerrada. Deve estar organizado em título, nome completo dos autores (sem abreviação), Resumo (máximo de 20 linhas, incluindo Termos para indexação), título em inglês, Abstract e Index terms, Introdução, Material e métodos, Resultados e discussão, Conclusão, Agradecimentos (opcional), Referências, tabelas e figuras. Os termos para indexação não devem conter palavras já existentes no título e devem ter no mínimo três e no máximo cinco palavras. Nomes científicos no título não devem conter o nome do identificador da espécie. Há um limite de 15 páginas para Artigo científico, incluindo tabelas e figuras.

Revisão Bibliográfica

A Revisão bibliográfica apresenta o estado da arte de tecnologia ou processo tecnológico das Ciências Agrárias, sobre os quais o(s) autor(es) deve(m) ter reconhecida qualificação e experiência. O texto deve apresentar não só uma análise descritiva, mas também crítica, e referências bibliográficas atualizadas. Deve conter título, nome completo dos autores (sem abreviação), Resumo (máximo de 20 linhas), incluindo Termos para indexação, título em inglês, Abstract e Index terms, Desenvolvimento, Discussão, Conclusões ou Considerações finais, Agradecimentos (opcional), Referências, tabelas e figuras. Não deve ultrapassar 16 páginas, incluindo tabelas e figuras.

Política de Privacidade

Os nomes e endereços informados nesta revista serão usados exclusivamente para os serviços prestados por esta publicação, não sendo disponibilizados para outras finalidades ou a terceiros.