Erosão de praias e ressacas na Ilha de Santa Catarina

causas, histórico recente e possibilidades de ação

Autores

  • Luiz Fernando Vianna Epagri / Centro de Informações de Recursos Ambientais e de Hidrometeorologia de SC, Brasil http://orcid.org/0000-0002-8129-3655
  • Carlos Sales Araújo Epagri
  • Argeu Vans Epagri

Palavras-chave:

oceanografia, zona costeira, risco costeiro, perigo costeiro, gestão costeira

Resumo

Na última década os eventos marítimos que causam erosão nas praias da Ilha de Santa Catarina vêm tornando-se notícia de forma cada vez mais frequente. Apesar da percepção sobre o aumento da frequência desses eventos nos últimos anos, os riscos associados a eles parecem não ser igualmente conhecidos. Neste trabalho foi feita uma análise dos eventos históricos recentes (2010-2021) de erosão nas praias da Ilha de Santa Catarina para identificar causas, consequências e discutir algumas soluções possíveis.

Biografia do Autor

Luiz Fernando Vianna, Epagri / Centro de Informações de Recursos Ambientais e de Hidrometeorologia de SC, Brasil

Possui graduação em Ciências Biológicas pela Universidade Santa Úrsula (1996), mestrado em Engenharia Ambiental pela Universidade Federal de Santa Catarina (1998) e Doutorado e Geografia pela Universidade Federal de Santa Catarina (2011). Pesquisador da Empresa de Pesquisa Agropecuária e Extensão Rural de Santa Catarina - Epagri. Trabalha com geoprocessamento aplicado à gestão costeira, gestão de recursos hídricos, agricultura, aquicultura e pesca. Desenvolve pesquisas na área de ecologia da paisagem, modelagem ambiental, avaliação de potencial e análise de risco.

Carlos Sales Araújo, Epagri

Possui graduação em Oceanografia pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (1993), mestrado em Sensoriamento Remoto pelo Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (1997) e doutorado em Engenharia Civil pela Universidade Federal de Santa Catarina (2008). Atualmente é pesquisador da Empresa de Pesquisa Agropecuária e Extensão Rural de Santa Catarina, atuando na coordenação e execução de projetos de pesquisa e desenvolvimento tecnológico nas áreas de clima, meio ambiente e gestão territorial. Tem experiência nas áreas de Meteorologia, Oceanografia Física, Sistemas de Informação e Sensoriamento Remoto.

Argeu Vans, Epagri

Possui graduação em Ciências pela Fundação Educacional de Brusque (1990), graduação em Oceanologia pela Universidade Federal do Rio Grande (1997), mestrado em Oceanografia Física, Química e Geológica pela Universidade Federal do Rio Grande (2000) e graduação em Ciências Biológica pela Universidade do Vale do Itajaí (2007). Atualmente é pesquisador da Empresa de Pesquisa Agropecuária e Extensão Rural de Santa Catarina.

Referências

ARAÚJO, M.C.B. Análise da Ocupação Urbana das Praias de Pernambuco, Brasil Analysis of Urban Occupation on Beaches in Pernambuco, Brazil. Revista de Gestão Costeira Integrada - Journal of Integrated Coastal Zone Management, v.7, n.2, p. 97-104, 2007.

AUCKLAND REGIONAL COUNCIL. Coastal Hazard Strategy: Coastal Erosion Management Manual. Technical Publication No. 130. Auckland. 2000, 125p.

BIRD, E.C.F. Coastal geomorphology: an introduction. John wiley & sons ltd. England, P. 411, 2008.

CARTER, R.W.G. Coastal environments: an introduction to the physical, ecological and cultural systems of coastlines. London, academic press. P. 99-134, 1988.

DAVIS JUNIOR, A.R. Coastal sedimentary environments. Springer-verlag, new york, P.716, 1985.

D' ALMEIDA COELHO, M.J. Memória Histórica da Província de Santa Catarina. 1856. Disponível em: http://fortalezas.org/midias/arquivos/1309.pdf. Acesso em: 02 jun. 2021.

ESTEVES, L.S.; PIVEL, M.A.G.; SILVA, A.R.P.; BARLETTA, R.C.; VRANJAC, M.P.; OLIVEIRA, U. R.; VANZ, A. The response of beachfront owners to the impact of a high energy event along an armoured shoreline in southern Brazil. Pesquisas em Geociências, v.27, n.2, p. 93-109, 2000.

EUROSION - Living with coastal erosion in Europe: Sediment and Space for Sustainability. 2004. Disponível em: https://repository.tudelft.nl/islandora/object/uuid:ec220e2c-0dec-440a-b17a-fde42135f4b3/datastream/OBJ/download. Acesso em: 17 jun. 2021.

FLORIPA AMANHÃ. Florianópolis, SC: Floripa Amanhã. 2011. Depois da ressaca, os prejuízos. Disponível em: http://floripamanha.org/2011/05/depois-da-ressaca-os-prejuizos/. Acesso em: 07 jun. 2021.

FLORIPA AMANHÃ. Ressaca em Canasvieiras ameaça prédio da Escola do Mar de Florianópolis. Florianópolis, SC: Floripa Amanhã. 2018. Disponível em: http://floripamanha.org/2018/05/ressaca-em-canasvieiras-ameaca-predio-da-escola-do-mar-de-florianopolis/. Acesso em: 07 jun. 2021.

FLORIPA AMANHÃ. Fortes ondas causam estragos em calçamento e posto guarda-vidas no Sul da Ilha. Florianópolis, SC: Floripa Amanhã. 2019. Disponível em: http://floripamanha.org/2019/06/fortes-ondas-causam-estragos-em-calcamento-e-posto-guarda-vidas-no-sul-da-ilha/. Acesso em: 07 jun. 2021.

FLORIPA AMANHÃ. Moradores do Campeche fazem abaixo-assinado por revitalização da orla. Florianópolis, SC: Floripa Amanhã. 2020. Disponível em: http://floripamanha.org/2020/06/moradores-do-campeche-fazem-abaixo-assinado-por-revitalizacao-da-orla/. Acesso em: 07 jun. 2021.

G1 SANTA CATARINA. Ressaca do mar destrói calçadão na Praia da Armação em Florianópolis. Florianópolis, SC: G1. 2019. Disponível em: https://g1.globo.com/sc/santa-catarina/noticia/2019/05/22/ressaca-do-mar-destroi-calcadao-na-praia-da-armacao-em-florianopolis.ghtml. Acesso em: 07 jun. 2021

GRINSTED, A.; CHRISTENSEN, J.H. The transient sensitivity of sea level rise. Ocean Sci., v.17, p.181–186, 2021. DOI: https://os.copernicus.org/articles/17/181/2021

KLEIN, A.F.; SANTANA, G.; DIEHL, F.; DE MENEZES, J. Analysis of Hazards Associated with Sea Bathing: Results of Five Years Work in Oceanic Beaches of Santa Catarina State, Southern Brazil. Journal of Coastal Research. 2003. 107-116.

KOERNER, K.F; OLIVEIRA, U. R., GONÇALVES, G. Efeito de estruturas de contenção à erosão costeira sobre a linha de costa: balneário hermenegildo, Rio Grande do Sul, Brasil. Revista de Gestão Costeira Integrada - Journal of Integrated Coastal Zone Management, v.13, n.4, p. 457-471, 2013.

MIDDELMANN, M.H. Natural Hazards in Australia: Identifying Risk Analysis Requirements. Geoscience Australia, Canberra. 206p., 2007.

MUSSI, C.S.; BONETTI, J.; SPERB, R.M. Coastal sensitivity and population exposure to sea level rise: a case study on Santa Catarina Island, Brazil. J. Coast Conserv., v.22, p.1117–1128, 2018. https://doi.org/10.1007/s11852-018-0619-8

ND+. Florianópolis, SC: ND+. 2017. Parte de praia no Sul da Ilha, em Florianópolis, desapareceu por completo após ressaca. Disponível em: https://ndmais.com.br/meio-ambiente/parte-de-praia-no-sul-da-ilha-em-florianopolis-desapareceu-por-completo-apos-ressaca/. Acesso em: 07 jun. 2021.

ND+. Medidas emergenciais no Morro das Pedras foram negadas pela justiça para evitar impactos ambientais. Florianópolis, SC: ND+. 2021. Disponível em: https://ndmais.com.br/noticias/medidas-emergenciais-no-morro-das-pedras-foram-negadas-pela-justica-para-evitar-impactos-ambientais/. Acesso em: 07 jun. 2021.

ND+. Decisão judicial favorece moradores de casas sob risco de desabamento em Florianópolis

Florianópolis, SC: ND+. 2021. Disponível em: https://ndmais.com.br/justica-sc/decisao-judicial-favorece-moradores-de-casas-sob-risco-de-desabamento-em-florianopolis/. Acesso em: 07 jun. 2021.

NSC TOTAL. Ressaca causa prejuízos na praia da Armação do Pântano do Sul, em Florianópolis. Diário Catarinense. Florianópolis, SC: NSC. 2010. Disponível em: https://www.nsctotal.com.br/noticias/ressaca-causa-prejuizos-na-praia-da-armacao-do-pantano-do-sul-em-florianopolis. Acesso em: 07 jun. 2021.

NSC TOTAL. Diário Catarinense. Ressaca em Florianópolis provoca estragos e parte de hostel desmorona no Campeche. Florianópolis, SC: NSC. 2020. Disponível em: https://www.nsctotal.com.br/noticias/ressaca-em-florianopolis-provoca-estragos-e-parte-de-hostel-desmorona-no-campeche. Acesso em: 07 jun. 2021.

NSC TOTAL. Diário Catarinense. Dobra área atingida por erosão no Morro das Pedras, em Florianópolis. Florianópolis, SC: NSC. 2021. Disponível em: https://www.nsctotal.com.br/noticias/dobra-area-atingida-por-erosao-no-morro-das-pedras-em-florianopolis. Acesso em: 07 jun. 2021.

PMF - PREFEITURA MUNICIPAL DE FLORIANÓPOLIS. Geoprocessamento corporativo. Mapa do plano diretor municipal. Florianópolis, 2021. Disponível em: http://geo.pmf.sc.gov.br/ Acesso em: 07 jun. 2021.

PRASETYA, G. The role of coastal forests and trees in protecting against coastal erosioneng. FAO, Bangkok (Thailand). Thematic Paper. 2007, p.103-131. Disponível em: http://www.fao.org/forestry/13191-0ce216e2fd6097aecc9708480cec2b6d0.pdf. Acesso em: 07 jun. 2021.

RANASINGHE, R., TURNER, I. L., SYMONDS, G. Shoreline response to multi-functional artificial surfing reefs: A numerical and physical modelling study. Coastal Engineering, v.53, n.7, p.589–611, 2006.

REBOITA, M.S., REALE, M., DA ROCHA, R.P., GIORGI, F., GIULIANI, G., COPPOLA, E., NINO, R. B. L., LLOPART, M., TORRES, J. A., CAVAZOS, T. Future changes in the wintertime cyclonic activity over the CORDEX-CORE southern hemisphere domains in a multi-model approach. Clim Dyn. (2020). https://doi.org/10.1007/s00382-020-05317-z

SERAFIM, M.B.; SIEGLE, E.; CORSI, A.C.; BONETTI, J. Coastal vulnerability to wave impacts using a multi-criteria index: Santa Catarina (Brazil). Journal of Environmental Management. v. 230, p.21-32, 2019. DOI: https://doi.org/10.1016/j.jenvman.2018.09.052.

SOUZA, C. R. de G. A Erosão Costeira e os Desafios da Gestão Costeira no Brasil. Revista de Gestão Costeira Integrada - Journal of Integrated Coastal Zone Management, v.9, n.1, p. 17-37, 2009.

SOUZA, M.A.L. Benefícios ambientais no controle de erosão costeira com uso do dissipador de energia Bagwall no litoral de Alagoas, NE Brasil. Revista de Gestão Costeira Integrada - Journal of Integrated Coastal Zone Management, v.8, n.2, p.139-148, 2008

Downloads

Publicado

2022-04-19

Como Citar

Vianna, L. F., Sales Araújo, C., & Vans, A. (2022). Erosão de praias e ressacas na Ilha de Santa Catarina: causas, histórico recente e possibilidades de ação. Agropecuária Catarinense, 35(1), 8-12. Recuperado de https://publicacoes.epagri.sc.gov.br/rac/article/view/1277

Edição

Seção

Conjuntura