Qualidade de sementes de arroz irrigado utilizadas em Santa Catarina no ano agrícola 2007/08

Autores

  • José Alberto Noldin Epagri/Estação Experimental de Itajaí
  • Ronaldir Knoblauch Epagri/Estação Experimental de Itajaí
  • Gabriela Neves Martins Epagri/Estação Experimental de Itajaí
  • Celso Antônio Dal Piva Epagri/Centro de Pesquisa para Agricultura Familiar (Cepaf)
  • Moacir Antônio Schiocchet Epagri/Estação Experimental de Itajaí

Palavras-chave:

Oryza sativa L., germinação, vigor, arroz-vermelho

Resumo

A semente é considerada o mais importante insumo agrícola, principalmente porque conduz ao campo as características genéticas determinantes do desempenho de uma cultivar, e ao mesmo tempo contribui decisivamente para o sucesso da lavoura. Santa Catarina é o Estado brasileiro que obteve a maior evolução na qualidade da semente de arroz irrigado nas três últimas décadas, demonstrada pela coleta de amostras das sementes utilizadas pelos agricultores. Este trabalho teve como objetivo realizar o levantamento da qualidade das sementes de arroz irrigado utilizadas pelos agricultores de Santa Catarina. Foram coletadas 307 amostras de sementes em todas as regiões produtoras de arroz irrigado no Estado no ano agrícola 2007/08. Por ocasião da coleta, utilizou-se um questionário para obter informações adicionais sobre a semente e a lavoura de cada agricultor. Em laboratório, foram realizadas as seguintes avaliações: análise de pureza, teste de germinação, teste de vigor e ocorrência de arroz-vermelho. Conclui-se que as sementes utilizadas pelos agricultores de Santa Catarina apresentaram alta qualidade, considerando pureza, germinação e vigor, porém 17% das amostras apresentam infestação por arroz-vermelho.

Downloads

Publicado

2020-04-28

Como Citar

Noldin, J. A., Knoblauch, R., Martins, G. N., Dal Piva, C. A., & Schiocchet, M. A. (2020). Qualidade de sementes de arroz irrigado utilizadas em Santa Catarina no ano agrícola 2007/08. Agropecuária Catarinense, 23(3), 50-54. Recuperado de https://publicacoes.epagri.sc.gov.br/rac/article/view/741

Edição

Seção

Artigo Científico