Alterações em atributos químicos no perfil do solo após 93 meses da aplicação superficial de calcário, em sistema plantio direto

Autores

  • Carla Maria Pandolfo Epagri/Estação Experimental de Campos Novos
  • Dr. Milton da Veiga Epagri/Estação Experimental de Campos Novos

Palavras-chave:

calagem superficial, acidez, micronutrientes.

Resumo

No sistema plantio direto (SPD), a aplicação de calcário é feita sobre a superfície do solo e o tempo transcorrido desde a aplicação é importante para que as reações se processem. O objetivo deste trabalho foi avaliar,
a longo prazo, os efeitos da aplicação superficial de calcário sobre alguns atributos químicos, ao longo do perfil de um solo originalmente ácido. Para isto, foram coletadas amostras de solo em sete camadas, até a profundidade de 60cm, 93 meses após a aplicação de doses de calcário dolomítico correspondentes a zero, 1/4, 1/3, 1/2 e 1 vez a necessidade para elevar o pH-H2O do solo a 6,0. O experimento foi conduzido sobre um Nitossolo Vermelho, sob SPD, em Campos Novos, SC. Os atributos avaliados foram pH-H2O, pH-KCl, H+Al, Al, Ca, Mg, Cu, Zn, Mn e Fe.
A aplicação superficial de calcário aumentou, após 93 meses, o pH-H2O, pH-KCl, Ca e Mg trocáveis do solo e diminuiu os teores de H+Al, Al e Mn nas camadas superficiais. Não houve efeito do calcário nos teores de Zn, Cu e Fe. Os efeitos mais significativos das doses de calcário foram observados até 10cm para o pH-KCl, Ca e Mn; até 15cm para o pH-H2O e H+Al; até 20cm para o Al e até 40cm para o Mg.

Downloads

Publicado

2021-04-09

Como Citar

Pandolfo, C. M., & da Veiga, M. (2021). Alterações em atributos químicos no perfil do solo após 93 meses da aplicação superficial de calcário, em sistema plantio direto. Agropecuária Catarinense, 20(3), 72-75. Recuperado de https://publicacoes.epagri.sc.gov.br/rac/article/view/907

Edição

Seção

Artigo Científico