Análise econômica de cinco fazendas de ostras no Sul do Brasil

Autores

Palavras-chave:

aquicultura, moluscos bivalves, custos de produção

Resumo

O artigo descreve uma análise econômica comparativa realizada em cinco fazendas de ostras em Florianópolis, litoral sul do Brasil. A análise foi realizada a partir de entrevistas com os produtores e os dados foram agrupados em componentes do custo de produção para cálculo dos indicadores econômicos, utilizados na análise comparativa das propriedades. As despesas com mão de obra representam o maior componente, variando de 42% a 44% do custo de produção, que variou de R$ 5,70 a R$ 8,34 dz.-1, com uma média de R$ 6,96 dz-1. A análise econômica mostra que a rentabilidade desse setor depende de um bom planejamento com definição de escala de produção, estratégia de processamento e preço de venda. A análise comparativa destaca a importância de monitorar e controlar os componentes do custo efetivo de produção e despesas de depreciação para apoiar as decisões de gestão da fazenda e garantir a rentabilidade do negócio.

Referências

AUSTRALIA VENTURE CONSULTANTS. Pilbara Aquaculture Studies: Market Analysis Edible Oysters, Yellowfin Tuna, Amberjack and Mahi Mahi. Perth: Australian Venture Consultants, 2016.

BARILLÉ, L.; BRIS, A.L.; GOULLETQUER, P.; THOMAS, Y.; GLIZE, P.; KANE, F.; FALCONER, L.; GUILLOTREAU, P.; TROUILLET, B.; PALMER, S.; GERNEZ, P. Biological, socio-economic, and administrative opportunities and challenges to moving aquaculture offshore for small French oyster-farming companies. Aquaculture, Amsterdam, v. 521, 735045, 2020. DOI: https://doi.org/10.1016/j.aquaculture.2020.735045.

FERRARI, D.L.; PADRÃO, G.; ARAUJO, A. Conceitos e métodos aplicados à gestão dos empreendimentos rurais e custos de produção nos programas da Epagri. Florianópolis:

EPAGRI, 2019. (Nota Técnica Epagri/Cepa No 001/2021).

INFOAGRO. Produção animal. Santa Catarina: INFOAGRO, 2020. Available from: https://www.infoagro.sc.gov.br/index.php/safra/producao-animal-2. Accessed on: 7 February 11, 2020.

MAGUIRE, G.B.; NELL, J.A. History, status, and future of oyster culture in Australia. Oyster Research Institute News, Sendai, n. 19, p. 3-12, 2007.

MUNOZ, A.E.P.; MATAVELI, M. Ostreicultores e técnicos discutem os custos de produção de ostras em Florianópolis, SC. Palmas: Embrapa Pesca e Aquicultura, 2016. (Embrapa. Informativo Campo Futuro, 27).

O’CONNOR, W.A.; DOVE, M.C. The changing face of oyster culture in New South Wales, Australia. Journal of Shellfish Research, Groton, v. 28, n. 4, p. 803-811, 2009. DOI: https://doi.org/10.2983/035.028.0409.

PARKER, M.; LIPTON, D.; HARRELL, R.M. Impact financing and aquaculture: Maryland oyster aquaculture profitability. Journal of World Aquaculture Society, Hoboken, v. 51, 2020. DOI: https://doi.org/10.1111/jwas.12702.

Downloads

Publicado

2021-12-28

Como Citar

Suplicy, F. M. (2021). Análise econômica de cinco fazendas de ostras no Sul do Brasil. Agropecuária Catarinense, 34(3), 52-56. Recuperado de https://publicacoes.epagri.sc.gov.br/RAC/article/view/1093

Edição

Seção

Artigo Científico